Google Translate Widget by Infofru

Author Site Reviewresults

O Bioblitz é realizado em diferentes locais do mundo desde a década de 90. O evento é focado em procurar e identificar espécies em uma área delimitada, por um curto período de tempo e é organizado por professores, cientistas ou guarda-parques, com a participação de estudantes e a comunidade em geral.

No segundo semestre deste ano (2019) o IB/USP realizou um Bioblitz com alunos do ensino médio da Escola de Aplicação da USP, no campus da universidade e no Instituto Butantã, através de um aplicativo de celular, o iNaturalist, desenvolvido pela National Geographic Society. O objetivo do evento foi estimular a ligação dos estudantes com o meio ambiente local e a biodiversidade, no contexto da Mata Atlântica e na conservação de espécies; introduzir o trabalho de campo do biólogo aos participantes e orientar a padronização da coleta de dados sobre biodiversidade para fins científicos. Foram registradas 957 observações pertencentes a 270 espécies identificadas até o momento.

bioblitz

crédito: Luna Bernarba e Ricardo Magalhães

Considerado como um dos melhores de 2019, sendo o terceiro em maior número de observações e o segundo em maior número de espécies (do total de 16 Bioblitzes realizados até agora na América Latina), o  evento foi organizado por alunos e professores dos cursos de Ciências Biológicas, dos Programas de Pós-graduação em Botânica e Zoologia da USP e de professores da Escola de Aplicação da USP. O Bioblitz IB/USP foi um desdobramento dos projetos "Sistemática, evolução dos sistemas sexuais e Conservação de Monimiaceae" e "Taxonomia e Conservação de Monimiaceae endêmicas do Brasil e Peru", com apoio financeiro da National Geographic Society.

Confira o vídeo aqui