Google Translate Widget by Infofru

Author Site Reviewresults

Data de início do evento: 27-01-2020 14:00

logo 2019 APROVADO

Profs. Resp.:  Dras Marisa Dantas Bitencourt (90892) e Maria Mercedes Montero Bartolomé (5490595). 
Dia da semana:  de segunda a sexta-feira                          
Horário:  14h às 18h  
Período: 27/01 a 10/02/2020 
Créditos:  04

Vagas:  máximo: 15 alunos 
Local: Sala 254 do Edifício Ernesto Marcus - Instituto de Biociências da USP (Departamento de Ecologia) Campus Butantã.

CONTEÚDO: No contexto contemporâneo, caracterizado pelas complexas relações geopolíticas e ecológicas da globalização, percebe-se nitidamente a importância que o contexto social tem nos estudos do meio ambiente. Tanto do âmbito das ciências sociais quanto das ciências naturais, estamos sempre procurando espaços analíticos de encontro para poder entender fenômenos que seriam de difícil compreensão sem um enfoque transdisciplinar. Antes, as ciências sociais e as ciências naturais percebiam a natureza como algo dado e imutável, assento das populações. Desde o início do século XXI sabemos que a natureza é, de certa forma, uma construção sociocultural. Tal construção tem um duplo sentido, primeiramente por conta das atividades e serviços e segundamente, por conta das percepções que os distintos agentes sociais têm sobre ela. Assim, podemos nos questionar “O quê é a natureza? O quê é a sociedade humana?” A presente disciplina propõe uma resposta, através da abordagem teórica das Ciências Sociais sobre os meios ecológicos, aproximando os alunos das metodologias de intervenção sócio ecológicas. 

 

RESUMIDO: Como a conservação é resultante da ação do homem no meio ambiente, faz-se necessário conhecer as dificuldades de se obter informações confiáveis, tanto no âmbito das ciências sociais quanto no das ciências naturais. A disciplina busca por espaços analíticos de encontro entre as duas áreas do conhecimento para poder entender fenômenos que seriam de difícil compreensão sem um enfoque transdisciplinar.