9(1)

Dezembro 2012

PDF (4.9 MB)

Expediente

Consultores científicos: Aline Tiemi Matsumura, Augusto César de Barros Tomba, Carolina Feher da Silva, Francisco Rômulo Monte Ferreira, Gustavo Burin, Janaina Rosa Cortinoz, Jéssica Paula Gillung, Laura Carolina Leal, Patricia de Aguiar Amaral e Vanilde Citadini Zanette

Editores Científicos: Carlos Ribeiro Vilela, Déborah Yara Alves Cursino dos Santos, Hamilton Haddad Junior Marcelo, Luiz Martins Pompêo e Paulo Enrique Cardoso Peixoto

Editores gráficos: Juliana Roscito e Leonardo M. Borges

Coordenadores: Agustín Camacho, Daniela Soltys, Pedro Ribeiro e Rodrigo Pavão

Artigos

Adubação orgânica e teores de nutrientes no Capim-limão
Elisangela de Souza Cunha, Denise da Silva Martins, Geizi Jane Alves de Carvalho, José Antonio Azevedo Espindola

O capim-limão (Cymbopogon citratus (D.C.) Stapf) é uma gramínea utilizada para fins medicinais. O estudo teve como objetivo avaliar o efeito da adubação orgânica no teor e acúmulos de nutrientes (Potássio, Nitrogênio, Fósforo, Cálcio e Magnésio) pelo capim-limão. Foram testadas quatro doses de adubo de esterco bovino (5, 10, 15, 20 t/ha), em dois períodos (chuvoso e seco). A análise de variância demonstrou diferenças significativas quanto aos teores e acúmulos de alguns nutrientes durante os dois períodos avaliados. Palavras-chave. Fertilização; Minerais; Plantas medicinais. DOI: 10.7594/revbio.09.01.01

PDF
Dimorphandra gardneriana Tulasne (Fava d’anta) - Uma abordagem etnobotânica e riscos de extinção
Leonardo P. Landim, José Galberto Martins da Costa

Dimorphandra gardneriana Tulasne (Leguminosae), popularmente conhecida como fava d’anta, é uma planta de ampla distribuição no Cerrado Brasileiro, com ocorrência na Chapada do Araripe, situada no sul do estado do Ceará. Os seus frutos são explorados para obtenção de rutina e quercetina, ambos flavonóides com diversas atividades farmacológicas estudadas. O extrativismo de D. gardneriana é uma importante fonte de renda, principalmente, para as comunidades extrativistas residentes do entorno da Região da Chapada do Araripe. No entanto, o extrativismo desenfreado tem ameaçado essa espécie ao risco de extinção. Diante do exposto, ações como o desenvolvimento de técnicas de coleta sustentáveis ou estudos na área da genética devem ser implementadas, afim de garantir a conservação dessa espécie. Palavras-chave. Fava d’anta; Dimorphandra gardneriana; Extrativismo; Sustentabilidade ecológica. DOI: 10.7594/revbio.09.01.02

PDF
Brasil e as pesquisas com células-tronco: visão geral
Maria Alzira do Carmo Aragão, Francisco Taiã Gomes Bezerra

A ciência está cada dia mais democrática e, independentemente da situação econômica do país, hoje a troca de informações entre pesquisadores é significativa. O Brasil, assim como muitos outros países beneficia-se desta conjuntura e vem amplamente se destacando nas pesquisas relacionadas às células-tronco. Mesmo com as restrições jurídicas iniciais, o país conseguiu destacar-se com iniciativas inovadoras, mas teve seu apogeu após a liberação das pesquisas com células-tronco embrionárias, ocorrida em 2008. O Brasil tem demonstrado possuir condições de alavancar ainda mais suas pesquisas, entretanto é importante controlar as expectativas da população diante dos resultados, que embora promissores, ainda requerem anos até que sejam amplamente utilizados em terapias de rotina.. Palavras-chave. Biotecnologia; Medicina regenerativa. DOI: 10.7594/revbio.09.01.03

PDF
Corpo, gênero e ciência: na interface entre biologia e sociedade
Adriano Souza Senkevics, Juliano Zequini Polidoro

A procura por qualidades que possam diferenciar os corpos e os sexos masculino e feminino na biologia tem levado a uma série de interpretações enviesadas a respeito do que entendemos por homens e mulheres ou por masculino e feminino na sociedade, as quais historicamente sustentaram posições conservadoras do ponto de vista social e político. Com o objetivo de introduzir novos elementos em um debate fundamentalmente interdisciplinar, procuramos desenvolver uma análise que se centre sobre a interface entre a biologia e os estudos sociais, a fim de reconceituar a construção do corpo, do sexo e do gênero. Palavras-chave. Relações de gênero; Determinismo biológico; Sociobiologia; Feminismo. DOI: 10.7594/revbio.09.01.04

PDF

Comentários

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <blockquote> <p> <br>

Mais informações sobre as opções de formatação