As consequências da má divulgação científica

PDF (99.72 KB)

Autor / Author

Guilherme Brockington e Lucas Mesquita

Resumo

A divulgação científica parece ser o instrumento ideal de comunicação entre ciência e sociedade. Com alto potencial para atrair o público não-especializado, busca-se diminuir a complexidade intrínseca do conhecimento científico. Contudo, há um lado danoso do jornalismo científico, quando feito de forma descuidada ou sensacionalista. Neste artigo abordaremos as consequências da má divulgação científica por meio da apresentação de fatos e dados de pesquisas sobre o tema. Discutiremos alguns exemplos emblemáticos de como pode ser nociva a circulação de informações científicas errôneas ou tendenciosas e abordaremos brevemente como minimizar estes problemas. Palavras-chave. Divulgação científica; popularização da ciência; divulgação de neurociências; má divulgação científica. DOI: 10.7594/revbio.15.01.03

Title

The consequences of bad science communication

Abstract

Science communication seems to be the ideal instrument for communication between science and society. With high potential to attract the non-specialized public, it seeks to reduce the inherent complexity of scientific knowledge. However, there is a harmful side of scientific journalism, when it is done carelessly or in a sensationalist way. In this article we discuss the consequences of bad science communication through the presentation of facts and research data on the topic. We will discuss some emblematic examples of how the circulation of erroneous or biased scientific information can be harmful and how to minimize these problems. Keywords. Science communication; popularizing science; neuroscience communication; bad science communication.

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License